Blog

Entenda os gráficos do Perfil Metabólico Dr. Cosendey:

24/mar/2014

O Perfil Metabólico Dr. Cosendey fornece as análises mais abrangentes os resultados mais aprofundados que qualquer outro exame do mercado. Isso se deve ao caráter único dos estudos realizados para a elaboração perfil. Quando prontos, os resultados são apresentados em uma série de gráficos para facilitar a visualização e a compreensão dos mesmos. Confira!

Distribuição de Variáveis Fisiológicas e suas Magnitudes

As colunas (roxas) das diversas variáveis fisiológicas se posicionam em relação a uma faixa recomendada para cada caso (faixa azul), sendo que é considerado “ótimo” quando todas as colunas se encontram no meio da faixa azul.

Clique na imagem par ampliar

 

Alterações Fisiológicas Observadas

Observa-se chaves com as “alterações bioquímicas compatíveis com intoxicação do tipo”: “alterações bioquímicas e celulares compatíveis com deficiência de”; “alterações leucocitárias compatíveis com” ; “hemácias”  e “sistema músculo-esquelético”. Em cada chave, na linha inferior, aparecem as substâncias químicas, vitaminas, processos inflamatório, infeccioso, carga viral, estresse físico-emocional-adrenérgico-, alérgico e verminose; hemólise, macrocitose e microcitose; encurtamentos musculares e estresse osteomuscular. Essas alterações fisiológicas observadas em relação ao que está escrito nessa linha inferior do gráfico, podem ser classificadas em: “presente” “possibilidade” ou “ausente”. O “ótimo” é quando todos os itens estudados situam-se em “ausente”.

Clique na imagem para ampliar

Índices dos Estados Fisiológicos Predominantes

Os índices anabólico, de cortisol, de cetose, de disbiose, de resistência insulínica periférica e de estresse oxidativo são classificados em “elevado”, “moderado” ou “reduzido”. O “ótimo” é quando a classificação está em “reduzido”, com exceção do índice anabólico que seria considerado “ótimo” na classificação de “reduzido”, “moderado” ou “elevado” dependendo de cada caso estudado.

Clique na imagem para ampliar

Deficiências Nutricionais Sintomáticas

Mostra uma grande variedade de micronutrientes e o percentual de suas deficiências relativamente a 100% da dose diária. O “ótimo” seria a ausência de faixas roxas, ou seja, todos os micronutrientes com 0% de deficiências.

Clique na imagem para ampliar

Posicionamento de seus estresses celulares em relação à faixa recomendada

Apresenta-se com faixas roxas representando os percentuais de variação do Estresse Hepático (EH), Estresse Ósseo (EO) e Estresse Muscular (EM) em relação à uma faixa recomendada de 0% à 100% (seta verde). Nesse gráfico, o “ótimo” seria a observação dos estresses estudados em torno de 50%. Também poderão ser observados estresses negativos, tendo esse fato sido observado com maior frequência no Estresse Ósseo, o que representa uma atividade osteoblástica bastante reduzida.

Slider by webdesign